Ortopedistas fazem alerta para a população: o excesso de uso de celular aumenta problemas ortopédicosA Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, que comemorou no dia 19 de setembro tanto seu aniversário – 83 anos –, como o Dia do Ortopedista, aproveitou a data para alertar para um problema crescente, o número de pessoas com problemas de coluna, principalmente das vértebras cervicais – que ficam no pescoço –, decorrente do uso do celular em postura inadequada.

Ortopedistas ligados à Sociedade de Ortopedia de Minas realizam campanha na Praça da Savassi, em Belo Horizonte

A Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, que comemorou no dia 19 de setembro tanto seu aniversário – 83 anos –, como o Dia do Ortopedista, aproveitou a data para alertar para um problema crescente, o número de pessoas com problemas de coluna, principalmente das vértebras cervicais – que ficam no pescoço –, decorrente do uso do celular em postura inadequada.

Em Belo Horizonte, foi realizada uma ação educativa na movimentada Praça da Savassi, região Centro-sul da capital, quando ortopedistas ligados à SBOT Minas entregaram folhetos educativos para condutores de veículos que passavam pelo local e também levantavam uma faixa alusiva ao evento em um semáforo da região. Houve também intensa cobertura da mídia, convocada pela assessoria de imprensa da regional mineira.

O presidente da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia- Regional MG, Cristiano Menezes, destaca que que embora ainda não haja um estudo científico sobre a frequência de problemas da coluna causados pelo uso do celular, os médicos têm registrado o aumento do número de pacientes com problemas tanto da coluna cervical como torácica. “O problema decorre do uso do celular para acessar a Internet com o aparelho à altura da cintura, o que leva o usuário a manter a cabeça curvada para baixo por muito tempo, o queixo junto ao peito, o que força a coluna”.

É muito importante atenção redobrada para nossa recomendação: “levantar o celular à altura dos olhos ou usar o celular pousado numa mesa, o que também alivia o problema. Como o celular já substitui em grande parte o computador e não é cômodo usá-lo com o braço levantado, a outra recomendação é que o usuário faça exercícios que diminuam o efeito da posição inadequada. “O exercício mais importante é o alongamento da musculatura da coluna cervical com movimentos de flexão, extensão e rotação lateral do pescoço”, salienta o ortopedista.

Dr. Cristiano Menezes ressalta que a Organização Mundial da Saúde também alerta para a necessidade de fazer exercício, pois concluiu que o sedentarismo se tornou a quarta maior causa de morte no mundo, perdendo apenas para as doenças cardiovasculares, o câncer e a diabetes.

Algumas recomendações da SBOT que evitam dores:

01- Não use seu celular ou tablete para trabalhos longos. Prefira seu computador de mesa ou laptop. Verifique se esses dispositivos estão dispostos ergonomicamente.

02- Ao usar seu celular, levante-o e aproxime-o um pouco abaixo do seu rosto.

03- Apoie o braço em uma superfície estável.

04- Faça exercícios de alongamento para aliviar a tensão no pescoço, com o movimento de “sim” e “não” com a cabeça

Portal Medicina & saúde: (31)3586-0937 | FAÇA CONTATO

medicina & saúde nas redes