Diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil: Casa Aura realiza lives relacionadas ao Setembro Dourado

A Casa de Apoio Aura a crianças e adolescentes em tratamento oncológico em Belo Horizonte/MG, realiza, a partir desta quinta-feira, 10 de setembro, uma série de lives relacionadas ao Setembro Dourado, mês que reforça a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil.

Criança da Casa Aura - Crédito : Leo Salvo

A Casa de Apoio Aura acolhe crianças e adolescentes em tratamento oncológico em Belo Horizonte/MG, realiza, a partir desta quinta-feira, 10 de setembro, uma série de lives relacionadas ao Setembro Dourado, mês que reforça a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil.

De acordo com Clara Feu, do setor de Marketing da instituição, a ação tem como slogan “A informação é o caminho para a conscientização. Multiplique esperança. Acredite na cura! “. Durante todo o mês de setembro “vamos enfatizar a importância da conscientização através de uma metáfora com a história dos tsurus, ave sagrada do Japão, símbolo da saúde, da boa sorte, felicidade, longevidade e da fortuna, ” conforme conta a lenda: “Sadako o Assaquei tinha apenas 2 anos quando a bomba atômica foi lançada sobre Hiroshima, no Japão, em agosto de 1945. Ela não se feriu e levou uma vida normal, inclusive praticando atletismo. Em 1955, com 12 anos, após participar de uma prova de corrida, sentiu cansaço e tonturas. O mal-estar não passou nos dias seguintes. Levada ao hospital, foi diagnosticada com a “doença da bomba atômica”, a leucemia. Sua melhor amiga, Shizuo, foi visitá-la, levando papéis de origami, e contou para Sadako a lenda dos Mil tsurus.

Shizuo explicou que o tsuru era uma ave sagrada, que vivia mil anos e que, se uma pessoa dobrasse mil aves de papel, teria um desejo concedido. Sadako o cultivou a esperança de que os deuses lhe concederiam a cura e, então, passou a fazer os origamis com ajuda de sua família e amigos que iam visitá-la no hospital. Ela morreu em 25 de outubro de 1955, antes de completar os mil tsurus. O mais importante é que Sadako nunca desistiu e continuou a dobrar enquanto pôde os papeizinhos em formato de tsuru.

Inspirados na sua coragem e força, seus amigos montaram e publicaram um livro com as cartas escritas por ela. Dessa maneira, eles começaram o sonho de construir um monumento para Sadako e para todas as crianças que morreram em consequência da bomba atômica.

Solidários com a causa, muitos jovens japoneses passaram a arrecadar dinheiro para o projeto. Em 1958, a estátua de Sadako , segurando um tsuru dourado, foi construída no Parque da Paz, em Hiroshima. Crianças envolvidas na campanha fizeram um desejo que ficou escrito para sempre na estátua: "Esse é o nosso grito. Essa é a nossa reza. Paz no mundo!" fonte: https://www.minutoseguros.com.br/quem-somos/lenda-tsuru

Assim, a partir desta quinta-feira, 10 de setembro, a Casa de Apoio Aura a Crianças e Adolescentes em Tratamento Oncológico realiza a programação a seguir. Participe! Em todas as lives a Casa AURA vai entrar como convidada pelo Instagram: @casadeapoioaura.

Programação:

- Dia 10/09 - 19h. Tema: Setembro Dourado, voltado à conscientização sobre o câncer infantojuvenil. Para falar sobre o assunto, Stanley Martins Frasão vai conversar com a psicóloga da Casa de Apoio AURA Georgia Lavorato de Castro Salvo, responsável pelo atendimento das famílias com crianças e adolescentes com câncer na Instituição, desde agosto de 2017. Transmissão pelo Instagram @homerocostaadv

- Dia 16/09 - 19h, com Dra. Vanessa Lima, que faz parte do Conselho Cientifico da Casa de Apoio AURA, sobre a importância de reconhecer os sinais do câncer infantojuvenil. Transmissão pelo Instagram @casadeapoioaura

- Dia 21/09 - exposições surpresa no CCBB-BH/Praça da Liberdade. Na campanha “Plantando esperanças, colhendo sonhos”, vamos dobrar tsurus pela conscientização sobre o câncer infantojuvenil. (Casa Aura aguarda confirmação sobre se o CCBB estará aberto para visitação).

- Dia 29/09 – 19h, com o Dr. Joaquim Caetano, que faz parte do Conselho Cientifico da Casa de Apoio AURA, respondendo perguntas dos acolhidos pela instituição (crianças e adolescentes em tratamento oncológico ou de doenças hematológicas e seus familiares). Transmissão pelo canal do Youtube da Casa de Apoio AURA.

- Dia 30/09 - 15h, com Viviane Valentim e participação das mães das crianças e adolescentes em tratamento oncológico, com músicas que marcaram a história delas. Transmissão pelo Instagram da @vivicvalentim.

 

Portal Medicina & Saúde (31)3586-0937 | FAÇA CONTATO

medicina & saúde nas redes